PL 122 -Liberdade de Expressão ou cristofobia?

A aprovação do projeto de lei conhecido como PL-122 é a grande expectativa dos homossexuais. Se aprovado no senado (o que não será nada fácil) os homossexuais terão o privilégio especial de serem os únicos neste país que serão isentos de receberem uma só crítica. Imagine! De acordo com o PL 122 criticar a prática do homossexualismo já seria motivo suficiente para alguém ser taxado de preconceituoso e homofóbico e o resultado seria um imediato processo judicial e cadeia.Esta lei se aprovada incentivará os homossexuais a expor suas preferências sexuais em todos os lugares públicos sem pudor nenhum.

Um novo perfil de presidiários

Pregador nenhum que se preze deixará de pregar a Palavra de Deus. E o resultado? Imaginemos: entre outras questões, será que haveria espaço suficiente para colocar uma multidão de pastores e pregadores leigos? Como ficaria o orçamento da união tendo que alimentar tanta gente na prisão? Quanto o governo gastaria na contratação de agentes penitenciários para atender tantos presos? E o custo da alimentação deles? Quantos milhões seriam gastos ainda para a construção de novos presídios só para esta finalidade? E por último como ficaria a quantidade de processos na justiça decorrente dessa lei cretina?

Manifestações públicas irreverentes

As manifestações públicas que exaltam o homossexualismo não têm sido nada discretas. Há muita irreverência e falta de respeito para com a sociedade hetero. Quem não lembra da ousadia que ocorreu durante a Parada Gay de 2011 em São Paulo, onde os símbolos da igreja católica foram ridicularizados publicamente. Naquela ocasião até a imprensa, misteriosamente, ficou calada enquanto os católicos tiveram seus sentimentos e convicções religiosas ultrajados. Precisamos refletir seriamente: Isto é liberdade de expressão ou é mais uma expressão da ditadura gay? Será que já chegou o fim dos tempos, os tempos difíceis e trabalhosos como a Bíblia diz?

“Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus.” (2 Timóteo 3.1-4)

Pl 122 – Cristofobia explícita

A Bíblia reprova definitivamente o comportamento homossexual em todas as suas formas. Ela simplesmente fala a verdade, mostra a depravação da sodomia e desmascara o estilo de vida promiscua dos homossexuais, daí a razão pela qual o ódio gay se volta contra quem usa a Bíblia como fonte de suas mensagens. Mas a Bíblia também apresenta um plano maravilhoso para transformar a vida de qualquer pecador.

A Bíblia visa o bem-estar da sociedade em todos os sentidos. Em Mateus 5.13,14 Cristo chama a igreja de sal da terra e luz do mundo. Como sal ela prega contra toda a corrupção moral, e como luz ela aponta o caminho da restauração e salvação da humanidade. Essa é missão da igreja na terra. Enquanto realiza sua obra a igreja também aguarda a qualquer momento a volta de Cristo para arrebatá-la. Então sua missão evangelística terá chegado ao fim. Nesta época sim, ocorrerá a completa corrupção moral do mundo. Trevas espirituais virão a todos os que rejeitaram o governo de Deus em suas vidas. Mas o mundo não ficará impune nos deleites de sua libertinagem. O mesmo Senhor voltará outra vez, não mais como salvador, mas Ele “vem a julgar a terra; julgará o mundo com justiça e os povos com a sua verdade.” (Em Salmos 96.13) Então é tempo de se arrepender dessas ilusões carnais.

Textos relacionados:
PL 122 Cria o grupo dos privilegiados

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *