Não à legalização da prostituição

Está tramitando na Câmara Federal o projeto de lei 4.211/12 de autoria do deputado Jean Wyllys, militante das causas homossexuais pelo qual pretende legalizar a prostituição no Brasil. A sociedade brasileira já se mobiliza contra este projeto imoral e infame.

O argumento de que a proibição não faz mais sentido não tem fundamento. É defendida apenas por aqueles que desejam usufruir desta atividade ilícita e ao mesmo tempo pretendem favorecer financeiramente aos famigerados donos de bodeis, os quais teriam todo o poder perante a lei para explorar e abusar das mulheres.

Não à legalização da prostituição 1Sabemos que a prostituição produz incalculáveis danos psicológicos, (espirituais), físicos e sociais. O exercício desta atividade suja reduz a mulher a uma condição sub-humana porque a considera nada mais que um objeto de exploração sexual. Acima de tudo constitui uma deturpação clara dos princípios divinos contra a família e a sociedade.

Deus não criou o ser humano para viver em prostituição. Em Hebreus 13.4 temos de forma clara a posição divina sobre este assunto: “Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém, aos que se dão à prostituição, e aos adúlteros, Deus os julgará.”

Além das mazelas psicológicas, físicas e sociais que causariam, a legalização da prostituição apenas apressaria que o Brasil se transformasse também em um país destino para o turismo sexual trazendo assim um impacto negativo para o país. Sabe-se que, em países onde a prostituição é legal, a cada ano milhares de mulheres são traficadas para a prostituição e a maioria delas desconhece o destino e os tratamento que lhes aguardam: coação, violência física, sexual, econômica e em fim, um futuro destruído.

A legalização da prostituição também aumentaria a incidência de doenças sexualmente transmissíveis, drogas, álcool, etc e ainda favoceria a prostituição infantil. Por estas e outras razoes este projeto de lei é irresponsável, não leva em conta o valor da dignidade humana. Abaixo o PL Gabriela.

Deixo aqui mais um texto bíblico para nossa edificação:

“Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas. Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira.” (Apocalipse 22.15:)

Que Deus abençoe o Brasil.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *