Você conhece sua Bíblia?

De fato, a Bíblia é o livro mais completo existe, nele encontramos ensinamentos maravilhosos, sem falar que é um livro histórico, porém bem atual. Mas, e você conhece a sua Bíblia? Sabe porque ela se diferencia da bíblia católica, por exemplo? A bíblia evangélica é a verdadeira?

Conheça a palavra de Deus!

Ao longo de muitos séculos, por cerca de 40 autores diferentes, nas mais diferentes condições e épocas, inspirada unicamente por Deus, usou pessoas como instrumentos Seus para transmitir a Sua mensagem.

Sua inspiração

A Bíblia é uma criação divina, Deus em sua sabedoria e poder se revela aos seus servos ( At 3:21 e Hb 1:1), que guiados pelo seu espírito começam a registrar os conteúdos bíblicos para que ficassem registrados para sempre (Is 30:8). Toda a Bíblia é inspirada por Deus (2Tm 3:16). Mas isso não significa dizer que Deus a ditou, palavra por palavra. Percebemos isso observando a variedade de gênero, estilo e vocabulário,então durante a escrita, os autores humanos mantiveram sua personalidade (Lc 1:1-4).

A organização dos livros

Como saber então quais livros deveriam fazer parte da bíblia? Mas uma vez observamos a soberania divina em recrutar, homens tementes e piedosos para selecionar aquilo que o Senhor dispôs em seus corações e preservar os escritos sagrados (2Rs 23.24, Ne 8.8, 2Cr 17.9).

Este processo é conhecido como a formação do cânon sagrado,que vem do grego “kanon”, que significa uma regra para medir, que metaforicamente é um padrão ou regra de conduta. As duas divisões são naturais e representam 02 pactos, duas alianças (Jr 31:31 e Hb 8:13).

O Velho Testamento

Possui 39 livros dividido em cinco partes:

  1. Livros da Lei: Gênesis, Êxodo, Levíticos Números e Deuteronômio.
  2. Livros Históricos: Josué, Juízes, Rute, I Samuel, II Samuel, I Reis, II Reis, I Crônicas, II Crônicas, Esdras, Neemias, Ester.
  3. Livros Poéticos: Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cantares (Cânticos dos cânticos).
  4. Profetas Maiores: Isaías, Jeremias, Lamentações de Jeremias, Ezequiel e Daniel.
  5. Profetas Menores: Oséias, Joel, Amós, Obadias, Jonas, Miquéias, Naum, Habacuque, Sofonias, Ageu, Zacarias, Malaquias.

O Novo Testamento

Possui 27 livros e se divide em cinco partes:

Evangelhos: Mateus, Marcos, Lucas e João.

Livro Histórico: Atos dos Apóstolos.

Epístolas Paulinas: Romanos, I Coríntios, II Coríntios, Gálatas, Efésios, Filipenses, Colossenses, I Tessalonicenses, II Tessalonicenses, I Timóteo, II Timóteo, Tito, Filemom.

Epístolas Gerais: Hebreus, Tiago, I Pedro, II Pedro, I João, II João, III João, Judas.

Livro Profético: Apocalipse.

Os idiomas usados para escrever a Bíblia foram hebraico, aramaico e grego. O Antigo Testamento foi totalmente escrito em hebraico e o Novo Testamento, foi escrito a maior parte em grego e uma pequena parte em aramaico, (que vem a ser um dialeto do hebraico).

bíblia evangélica

Qual a diferença entre a bíblia evangélica e a católica?

As Bíblias de Edição católico-romana têm 73 livros, são 7 a mais que a Bíblia usada pelos evangélicos. Estes livros são chamados “Apócrifos”, ou seja, foram escritos simplesmente por homens e não inspirados por Deus. São eles: Tobias, Sabedoria de Salomão, Eclesiástico, Baruque, I Macabeus, e II Macabeus e Judite. Sua aprovação pela igreja Romana se deu no Concílio de Trento em 1546. Além da inspiração e do cuidado de Deus em preservar seu conteúdo, a evidência de que a Bíblia que temos hoje, com começo, meio e fim, é a completa Palavra de Deus, está também em outras três consequências dessa inspiração: a unidade (Sl 18.30), a inerrância (Tg 1.17) e a revelação (Mt 11:27 e Ap 1:11).

Como manusear a Bíblia?

Devemos conhecer quantos e quais  são os livros(a), os capítulos(b) e os versículos(c). Os capítulos são geralmente os números grandes e os versículos são os números pequenos, que se apresentam no meio dos textos.

bíblia

Quanto ao que diz respeito à escrever ou interpretar uma referência, fazemos assim:

bíblia evangélica

Face à possibilidade de adquirir e ler a Bíblia Sagrada, mais que um privilégio, constitui-se num sagrado dever da nossa parte lê-la e dela jamais nos desviarmos.