Podemos evitar o pior!

Leitura de Hoje: Jeremias 4 a 6

06 08 2015Na leitura de hoje…
Deus anuncia um terrível castigo ao povo de Judá. Um tempo de aflição estava por vir.

Nem mesmo as cidades fortificadas e a aliança política com o Egito evitariam a grande destruição que estava para acontecer. Em breve, Jerusalém se tornaria ruínas e os judeus seriam derrotados e dominados pelos babilônios. (Jeremias 2 a 6) Por que Deus permitiria isto? Porque os judeus rejeitaram o Senhor. Embora as nações pagãs não trocassem seus deuses, Israel trocou o Deus vivo por eles!

Deus comparou a si mesmo como um marido traído! Afinal, depois de tirar os israelitas do Egito, os conduzir por um terrível deserto e lhes dar uma terra fértil, eles escolheram glorificar outros deuses, criados pela imaginação humana! Foi como trocar a fonte de água viva por cisternas danificadas e inúteis!

Judá tornou-se como um animal selvagem incontrolável! O povo se entregou ao engano, à injustiça e à incredulidade! A nação considerada por Deus como videira seleta e pura se perdeu!

Os judeus se esqueceram de Deus! E, para o Senhor, isso era tão absurdo quanto uma noiva esquecer-se do seu vestido de casamento!
Judá em breve se arrependeria dessa decisão.

Como ocorreu naquela geração, há pessoas hoje que também não perceberam como Deus é grande e maravilhoso, apesar de todo o cuidado que têm recebido diariamente dele. Não o reconhecem. Não o buscam. Colocam seus próprios desejos como prioritários! Adoram a si mesmos e praticam o que desagrada a Deus e prejudica o próximo! Se você é uma delas, hoje é dia de tomar uma nova decisão: arrependa-se, afaste-se do mal, reconheça a Deus em todos os seus caminhos e ame-o de todo o seu coração!

Vela mais um devocional diário click no link:  Deus quer ser o nosso melhor amigo

Em Cristo,
Ministério de Evangelismo Urbano
Melicégenes Rodrigues

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *