Onde estaremos na eternidade?

No início do mundo, por uma decisão induzida por Satanás, Adão e Eva arruinaram o nosso destino eterno escolhendo o caminho do pecado, e assim a morte espiritual passou para todos. Em Salmos 51.5 lemos assim: “Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe.” Em Romanos 3.23 temos o veredito final de Deus: “por que o salário do pecado é a morte.”

Embora perdidos por esta decisão, Deus em sua graça interveio dando-nos uma grandiosissima promessa. Em 1 João 1.25 lemos sobre ela: “Esta é a promessa que ele nos fez: a vida eterna.” Então Cristo veio ao mundo para mudar o nosso destino eterno. Justamente para que não fôssemos para a eternidade perdidos Ele foi sacrificado em uma cruz pagando o alto preço de nossos pecados. Só nos resta agora receber o seu precioso perdão e iníciarmos um relacionamento com Ele. Este é o único meio para sermos salvos da perdição eterna.

Será que todos sabem disto? Devido ao desconhecimento desta verdade, Cristo ordenou que se pregasse o evangelho a toda criatura, a fim de que cada um tenha a sua oportunidade de se arrepender. Em Marcos 16.15,16 Cristo diz: “Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.” A apostolo Pedro também falou desta ordem que recebeu de Cristo. Ele disse: “E nos mandou pregar ao povo, e testificar que ele é o que por Deus foi constituído juiz dos vivos e dos mortos.” (Atos 10.42)

Na eternidade cada um de nós estará salvo ou perdido. Mediante o arrependimento e a fé em Cristo somos justificados de nossos pecados. Paulo esclareceu isto aos coríntios quando eles se converteram: “Não sabeis que osinjustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os imorais, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os homossexuais passivos ou ativos, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os caluniadores, nem os roubadores herdarão o Reino de Deus. Tais fostes alguns de vós. Mas fostes santificados, mas fostes justificados em nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito de nosso Deus.” (1Coríntios 6.9-11)

Uma escolha individual
Se rejeitarmos a vida eterna em Cristo, uma vez na eternidade é inútil se arrepender lá. Em Hebreus 9.27 está escrito: “Aos homens está ordenado a morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo.” Porém quanto aos que partiram salvos, estes não entrarão em juízo. Cristo afirmou: “Em verdade em verdade vos digo, que quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna e não entrará em juízo, mas passou da morte para a vida.” (João 5.24) Você já passou da morte espiritual para a vida eterna?

Textos relacionados:
Salvação, será que levamos este assunto a sério?
Algo pode mudar a fidelidade de Deus?
Perguntaram a Jesus: Senhor, são poucos os que se salvam?

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *